Jaru Online
Jaru, 23 de julho de 2024

Os melhores artilheiros da Copa América de todos os tempos

A Copa América está chegando e junto com ela, as apostas em futebol ganham força. O Brasil é o terceiro no mundo em usuários de apostas esportivas online, atrás apenas dos EUA e do Reino Unido, segundo estudo divulgado pela ComScore.

 

Existem 42,5 milhões de usuários no Brasil, o que corresponde a mais de 30% dos usuários de internet no país.

 

Os dados mostram que as apostas esportivas se tornaram particularmente populares entre a classe média.

 

A maioria dos apostadores é do sexo masculino e tem mais de 45 anos, e metade (49%) dos apostadores brasileiros são considerados classe C (famílias com renda mensal entre R$ 4.180 e R$ 10.500, ou US$ 854 e US$ 2.144).

 

Outro estudo divulgado pela SimilarWeb mostra o Brasil como líder mundial em apostas esportivas, principalmente em apostas no futebol, representando quase 23% do movimento em sites globais de apostas esportivas.

 

Melhores artilheiros da Copa América de todos os tempos

  1. Norberto Méndez (Argentina) – 17 gols

 

Nascido em 1923 em Pompeya, um dos muitos bairros de Buenos Aires, Norberto “Tucho” Méndez não é apenas o artilheiro recorde na história da CONMEBOL Copa América, mas também três vezes vencedor.

 

Sua primeira participação no torneio aconteceu em 1945, quando Méndez marcou seis gols da Argentina, incluindo um hat-trick contra o Brasil. Apenas um ano depois, ele somou mais cinco gols, com a Albiceleste defendendo com sucesso o troféu.

 

Mais seis gols ocorreram em 1947, seu melhor total pessoal em um único torneio, quando ajudou a Argentina a outro triunfo, incluindo dois gols cada contra Uruguai e Bolívia.

 

Durante aqueles anos dourados de três vitórias na Copa América em tantos anos, Méndez dividiu o campo com alguns dos nomes mais reconhecidos do futebol argentino: Alfredo Di Stéfano, Ángel Labruna, Adolfo Pedernera e “El Charro” Moreno.

 

Seus 17 gols na Copa América o colocaram no panteão dos grandes nomes argentinos.

2 – Zizinho (Brasil) – 17 gols

 

Thomaz Soares da Silva – que também fez o segundo maior número de jogos na história da Copa América – detêm conjuntamente o recorde de artilheiro da competição.

 

Mais conhecido como Zizinho, o meia-atacante não foi apenas o ídolo de Pelé enquanto crescia, mas também participou seis vezes da Copa América, erguendo o troféu em 1949.

 

Seu torneio de estreia aconteceu em 1942, quando o Brasil terminou em terceiro. Zizinho marcou dois gols naquela edição e repetiu o feito no ano seguinte no Chile, onde o Brasil perdia os finalistas.

 

Foi em 1946 – onde o Brasil novamente terminou em segundo lugar – e em 1949 – quando venceu – que Zizinho realmente deixou sua marca, marcando cinco gols em cada uma dessas edições.

3 – Severino Varela ( Uruguai ) – 15 gols

 

Severino Varela, também conhecido como “A Boina Fantasma”, participou de apenas três edições da Copa América, mas conseguiu chegar pelo menos à semifinal em todas elas.

 

Depois de estrear pelo River Plate uruguaio, transferiu-se para o Peñarol, e suas atuações lá o colocaram no mapa da seleção nacional.

 

Em 1937 estreou-se pelo La Celest e no torneio continental, marcando cinco gols. Ele então replicou esse feito em suas duas aparições subsequentes; a primeira em 1939, onde o Uruguai chegou à final e perdeu para o Peru, e em 1942, onde triunfou.

 

Varela marcou dois hat-tricks na Copa América, ambos contra o mesmo adversário no Equador (1939 e 1942).

 

Depois de vencer o torneio, mudou-se para o Boca Juniors, onde jogou alguns anos antes de retornar ao Peñarol, no Uruguai, antes de se aposentar no Sud América.

4 – Teodoro Fernández ( Peru ) – 15 gols

 

Empatado em segundo lugar, encontramos uma das lendas do futebol peruano: Teodoro Fernández.

 

Ele passou toda a sua carreira vestindo as cores do Universitário, que representou de 1930 a 1953, mas Teodoro Fernández também foi fundamental em um dos dois triunfos do Peru na Copa América, inspirando-os à vitória em 1939.

 

Depois de marcar apenas um gol pela Albirroja em seu torneio de estreia, em 1935, e dois em 1937, foi em 1939 que ele gravou seu nome na história. Marcar sete gols no caminho para o Peru erguer o troféu como país anfitrião o levou a ser eleito o Jogador do Torneio.

 

Mais três gols em 1941 e dois em 1942 fizeram com que Fernández atingisse a marca de 15 gols.

 

O que é a Copa América?

 

CONMEBOL Copa América, ou Copa Americana, é o torneio continental mais antigo do mundo, datado de 1916. É usado para determinar o campeão da América do Sul, mas times selecionados da América do Norte e da Ásia foram convidados a competir desde a década de 1990.

 

Este ano, as 10 equipes da CONMEBOL serão acompanhadas por seis equipes da Concacaf.

 

A edição deste ano será o 48º torneio e apenas a segunda vez que será realizado fora da América do Sul. Os Estados Unidos também sediaram a Copa América Centenário em 2016, uma edição especial do torneio para comemorar os 100 anos da CONMEBOL e da Copa América.

 

A Copa América é um momento emocionante para os fãs do futebol. E se você ainda não é um, é o momento perfeito para embarcar.


COMPARTILHAR