Jaru: Quatro são presos acusados de participação no assassinato de empresário de Tarilândia “Piriquito”

Jaru: Quatro são presos acusados de participação no assassinato de empresário de Tarilândia “Piriquito”
rondonia forte

Foi preso a alguns instantes, Wanderley (Paulistão), acusado de ser o mandante do assassinato do comerciante de Tarilândia, José Bento, popular Periquito. Na ocasião também foi preso o piloto da motocicleta que assassinou o empresário.

Quatro pessoas suspeitas de envolvimento no assassinato do empresário José Bento popular Periquito, foram presas durante uma operação conjunta realizada pela Polícia Civil e o Núcleo de Inteligência(NI) da Polícia Militar realizada na manhã desta sexta feira (31).

Periquito foi morto a tiros no dia 26 de abril em um bar no distrito de Tarilândia, enquanto lanchava com a esposa e amigos.

Os assassinos chegaram em uma motocicleta e depois de executarem o empresário fugiram.

Durante a operação foram cumpridos mandados de prisão, busca e apreensão em duas propriedades rurais de Tarilândia e também em Machadinho do Oeste.

Entre os preso está Wanderley José de Souza, popular Paulistão acusado de ser o mandante do assassinato, e o piloto da motocicleta usada no assassinato, Walisson Gomes Ribeiro, o “Borrachinha”.

Lucas Romelia Catarino Santos, o Preá, que teria contratado os pistoleiros e fornecido a arma, a motocicleta e ainda seria o elo entre mandante e executores.

O atirador é Amarildo Rodrigues dos Reis Junior preso em Machadinho do Oeste no dia 24 de maio, Amarildo confessou a participação no crime. Falou ainda que o crime encomendado por Preá custou cinco mil reais, dinheiro que seria dividido entre ele e a dupla de pistoleiros.

Segundo os policiais, a motocicleta usada no crime teve a placa alterada para dificultar no reconhecimento da mesmo, onde os suspeitos modificaram a mesma de NDX 5411 para NDX 5477.

 

                                                           (Wanderley)   Mandante do crime
                                                               José Bento da Silva (Periquito)

 

Comentários