Viadutos de Porto Velho ficam mais coloridos com a arte de grafiteiros; confira fotos

Viadutos de Porto Velho ficam mais coloridos com a arte de grafiteiros; confira fotos

As famosas obras dos viadutos de Porto Velho estão sendo finalizadas e agora começaram a ganhar vida e cores. São desenhos feitos por um grupo de quase 40 grafiteiros, por meio de um projeto de transformar a Capital rondoniense em atração turística. Ao Rondoniagora, os profissionais falam sobre o trabalho e carinho que estão recebendo da população que passa local.

Os primeiros traços do Projeto Graffizônia começaram há cinco dias no viaduto da BR-364 com Avenida Campos Sales, mas nesta segunda-feira já chegou ao Trevo do Roque. Todo o trabalho, que se estenderá também pelos elevados na Jatuarana e Três e Meio, é coordenado pelo grafiteiro Leandro da Cunha Moraes, conhecido como “Dentinho”, que mora na capital e diz que ama a arte desde criança.

“Dessa vez eu não estou pintando porque estou ajudando meus amigos, dando suporte, mas mesmo assim é gratificante porque estou contribuindo para uma cidade mais bonita. Apesar do preconceito por parte de algumas pessoas nós estamos muito felizes pela confiança que a prefeitura teve em nos dar essa oportunidade de mostrar o trabalho em desenho”, disse o coordenador.

Viadutos de Porto Velho ficam mais coloridos com a arte de grafiteiros; confira fotos

O grafiteiro Thiago Sampaio é do Estado do Mato Grosso e veio para Porto Velho onde deixou sua marca no viaduto da Campos Sales. Ele fez um tucunaré. “Esse peixe representa bastante o Norte do país porque é bravo e guerreiro igual aos habitantes. Eu estou muito feliz de ter recebido o convite de vir para a cidade para ajudar a deixa-la mais bonita com nosso trabalho. Demorei três dias para fazer meu desenho e hoje finalizei com sucesso”, disse.

Denis L.D.O mora em Manaus e diz que essa é a primeira vez que participa de um encontro de grafiteiros. “Eu já mostro meu trabalho na minha cidade e agora estou dento a oportunidade de mostrar para outras pessoas o meu trabalho. Nesse paredão do viaduto eu e meu amigo estamos terminando um desenho indígena misturado com regionalismo e tudo demorou três dias para finalizar. Da um pouco de trabalho, mas é muito gratificante e vou deixar esse desenho para Porto Velho que foi feito com muito carinho”, afirmou.

“O desenho escolhido foi à bailarina da praça porque ela é um dos ícones da cidade e nada mais justo do que ser homenageada na em forma de desenho. Hoje estou no segundo dia que estou desenhando e amanhã eu finalizo todo desenho. A parte que mais trabalhosa é o formato do desenho no início, depois vem à pintura e por último o acabamento. A tinta tem um prazo de 3 a cinco anos de duração”, disse Fernando Gardenal, que veio do Estado do Paraná para desenhar a “Bailarina da Praça”.

Viadutos de Porto Velho ficam mais coloridos com a arte de grafiteiros; confira fotos
Viadutos de Porto Velho ficam mais coloridos com a arte de grafiteiros; confira fotos

Comentários