PF prende Minotauro, chefe do tráfico na fronteira com Paraguai

PF prende Minotauro, chefe do tráfico na fronteira com Paraguai

A Polícia Federal prendeu, na tarde desta segunda-feira (4), o suposto traficante Sergio de Arruda Quintiliano Neto, conhecido como Minotauro. Ele é apontado pelas autoridades brasileiras e paraguaias como um dos principais responsáveis pelo tráfico de drogas na fronteira entre os dois países, além de ser investigado por homicídios na cidade Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

O suspeito foi capturado na Marina Beach Towers, em Balneário Camboriú, no litoral de Santa Catarina. A informação foi divulgada pela Senad (Secretaria Nacional Anti-Drogas do Paraguai).

Minotauro teria se aproximado facção criminosa paulista depois que outro suposto traficante da fronteira, o Jarvis Chimenes Pavão, foi extraditado, ainda de acordo com a pasta paraguaia. Ele teria assumido a chefia do PCC na fronteira do Brasil com o Paraguai e, já a serviço da facção, cometido diversos assassinatos.

O suposto traficante é apontado como um perfil mais violento, e teria sido eleito pela facção criminosa para assumir a liderança da fronteira após uma disputa com outro suspeito de traficar na cidade de Pedro Juan Caballero, conhecido como Galã. para chegar ao posto de liderança do PCC, ele se aliou a outro integrante da facção e passaram a atuar juntos.

Fonte:R7

Comentários