Mulher mandou amante matar caseiro em Porto Velho; criminoso recebeu promessa de casamento

Mulher mandou amante matar caseiro em Porto Velho; criminoso recebeu promessa de casamento
 

Ana Maria Moreira, 35 anos e Joaquim Vieira dos Santos Neto, 28 anos, confessaram autoria na morte do caseiro Benedito Gilberto Alves da Silva, 38 anos, que foi executado com um tiro na nuca no último domingo e teve seu corpo encontrado na manhã desta quarta-feira (08), em pasto no final da Rua dos Olheios, Bairro Nova Esperança, em Porto Velho.

De acordo com as informações, Ana Maria era esposa da vítima e mantinha uma relação extraconjugal com Joaquim. Nesta quarta-feira, Joaquim havia se apresentado na Delegacia de Homicídios, confessado o crime e revelado que a mandante seria sua amante, Ana Maria. Na ocasião, ele ainda disse que a mulher tinha prometido casar com ele após a execução da vítima.

Durante diligências feitas por policiais da Delegacia de Homicídios nesta manhã de quinta-feira, a mulher foi encontrada no velório do marido. Ela foi conduzida para a sede da homicídios e ao ser interrogada pelo delegado responsável pelas investigações, confessou que havia mandado matar o marido.

Como justificativa, Ana Maria disse que não aguentava mais ser agredida por Benedito. A mulher deverá responder o inquérito em liberdade, haja vista que estava fora de flagrante e até o momento não existia mandado de prisão preventiva

img_20170208_wa0043, img_20170208_wa0062, img_20170208_wa0103

Comentários