Morre Bombeiro que passou mal durante treinamento em Rondônia

Morre Bombeiro que passou mal durante treinamento em Rondônia

Seis dias após passar mal em um treinamento, o militar do corpo de Corpo de Bombeiros Michel Alexandre Pontes teve morte cerebral na tarde da última sexta-feira (15). Ele estava internado na U.T.I do Hospital Central de Porto Velho. A morte foi confirmada pela assessoria do Corpo de Bombeiros. O fato aconteceu na selva do Salsalito. 

De acordo com a assessoria do Corpo de Bombeiros, o aluno estava participando de uma instrução de estágio de selva para o curso de formação de oficiais auxiliares quando começou a passar mal.

Ele se queixava de cansaço e recebeu atendimento médico no local. A equipe médica então decidiu encaminhar o militar para Porto Velho e durante o trajeto Michel sofreu uma parada cardíaca. 

A assessoria informou ainda que, todos os procedimentos de socorro foram feitos e à vítima chegou ao Pronto-Socorro João Paulo II com sinais vitais.
Sobre as instruções ministradas durante o treinamento, o Corpo de Bombeiros informou que não fugiram do padrão exigido e da coerência e afirmou que não houve registros de excessos por parte da equipe de instrução.

Oficial já denunciado

Apesar da negativa de que não houve excessos, colegas de farda questionam a conduta do oficial encarregado pelos testes, que já foi denunciado pela morte de um outro aluno, em 2013, afogado na Escola Padrão. O oficial foi absolvido por falta de provas.

O Corpo de Bombeiros informou que abriu sindicância para apurar o ocorrido.

Comentários