Jaru: Rapaz com doença mental é acusado de agredir filho e depois a própria mãe

Publicada em


Conforme registros, esta não é a primeira vez que o suspeito comete agressões contra a mãe. Crime ocorreu no Setor 07.

Imagem Ilustrativa

Um homem com doença mental comprovada, é suspeito de agredir uma criança, que é seu filho e a própria mãe, que tentou impedir que as agressões continuassem contra o neto. Os nomes e idades dos envolvidos não podem ser revelados, segundo a justiça.

Os crimes aconteceram na rua Manoel Ribeiro Mendes, Setor 07, em Jaru (RO), durante o final de semana.

 

Conforme a mãe do suspeito, que é autora da denúncia, o jovem tem problemas mentais, bebe muito e usa outras drogas ilícitas, além de tomar medicamentos por causa dos problemas mentais.

 

No boletim de ocorrência há relatos de que o homem batia na criança de forma violenta, quando a mãe tentou impedir e foi agredida por ele. A mãe também relatou que o filho a impede de visitar parentes, de socializar e até de ter acesso a dinheiro, aos bens da família e a sua conta bancária.

 

Ela também contou que o suspeito cometeu agressões com chutes, pontapés, socos, empurrões, puxões de cabelos e xingamentos noutras ocasiões, mas que não considera o local em que vive, de risco e violento.

 

O caso foi registrado na Unisp de Jaru.