Jaru: Polícia Civil prende suposto Pastor acusado de estupro de menores

Publicada em


Durante trajeto foi observado que ele carregava uma bíblia como sinal da sua profissão de fé.

Na manhã desta quarta-feira (04) o suposto pastor da igreja Tenda dos Milagres, setor 08, acusado de estupro de duas menores, se entregou na Unidade Integrada de Segurança Pública de Jaru (RO). O tempo todo, o acusado permaneceu segurando sua bíblia.

O Pastor estava foragido desde o dia 26 de outubro, as investigações foram realizadas pela Delegacia Especializada em atendimento à Mulher (DEAM), sob o comando do delegado Rodrigo Spiça, que após analisar as provas, representou pela prisão temporário do líder religioso.

O Poder Judiciário por meio da Primeira Vara Criminal de Jaru, expediu mandato de prisão o qual foi comprido por agentes da Policia Civil.

Após se apresentar na Unisp, foi encaminhado ao Hospital Municipal para exame de Corpo e Delito e em seguida para Sistema Prisional da cidade.

Fonte: Jaru Online 

*Os comentários foram desativados devido período de Campanha Eleitoral