Jaru: Justiça decreta prisão de pai acusado de estuprar a filha de 11 anos

Publicada em


A 1ª Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher de Jaru (DEAM) cumpriu na manhã desta quarta-feira (17) a prisão de um homem acusado de estuprar a própria filha de 11 anos de idade.

A denúncia partiu da esposa do acusado que é madrasta da criança. Após sofrer ameaça de morte por parte do acusado, a mulher chamou seu pai que acionou a Polícia Militar.

O fato aconteceu na linha 603, KM 45, Zona rural, Vila Palmares distrito de Theobroma, e segundo a denunciante, ela teria percebido algumas atitudes estranhas por parte de seu marido e também um comportamento adverso na criança, ao indagar a menina, está contou que seu pai havia praticado atos libidinosos com ela.

A mulher conversou com seu marido sobre o assunto e este disse que se ela contasse a alguém iria matá-la e na data de 20 de junho de 2020 ele arremessou uma garrafa contra ela, com medo, ela pediu socorro ao seu pai, que foi até a residência acompanhado da polícia. Assim que o acusado viu a viatura evadiu-se do local.

O acusado possui a guarda das duas filhas menores de idade, e diante da situação as meninas foram entregues ao Conselho Tutelar.

A criança de onze anos confirmou a denúncia da madrasta, sendo então decretada a prisão do acusado que foi preso pela Polícia Civil e entregue no presídio local.

 

Fonte: Jaru Online