Jaru: Homem que ganhou indenização quase milionária de sitiante por ter ficado invalido em acidente, é flagrado jogando futebol

Publicada em


É grande a indignação de um sitiante da região de Tarilândia que hoje presencia sua propriedade rural de 49 hectares e todo seu gado, 138 cabeças, indo a leilão para pagamento de indenização referente a um acidente de trânsito ocorrido em 2013.

O acidente

Em 31 de agosto do referido ano, o sitiante Benedito Ribeiro da Silva, seguia com seu veículo Fiat Strada pela RO-010, e próximo ao Km 5, cruzamento com o travessão da Linha 629, adentrou a esquerda ocasionando o acidente envolvendo o autor da ação, o qual seguia em uma motocicleta no mesmo sentido.

O motociclista que não iremos identificar, ainda que seus dados constem publicamente no site do Tribunal de Justiça de Rondônia, colidiu no Strada no momento em que ele convergia na via.

Ele sofreu fraturas e foi encaminhado para Porto Velho, onde passou por um período de tratamento e recuperação.

Seu Benedito, acionou o seguro de seu veículo, que pagou as despesas com a motocicleta e com a vítima, em um valor superior a R$ 70 mil, o motociclista também recebeu o seguro DPVAT.

 

Condenação 

Segundo seu Benedito, depois disso, o homem ingressou uma ação indenizatória contra ele, que foi julgada procedente em 2016 pela justiça de Ouro Preto do Oeste, sendo o sitiante considerado culpado pelo acidente e condenado a pagar pensão vitalícia correspondente a 417 salários mínimos em parcela única, danos morais e custas processuais.

O homem que na época possuía 45 anos, argumentou estar total e definitivamente incapacitado de trabalhar em razão do acidente, e com base em uma perícia seu pedido foi deferido.

O sitiante ainda agravou da decisão, porém sem êxito, calcula-se que suas despesas referentes a este processo, seja superior a R$ 900 mil, ou seja todo seu patrimônio.

O autor da ação que oficialmente encontra-se invalido para trabalhar, é constantemente visto e registrado exercendo atividades de uma pessoa em normais condições físicas, como por exemplo, pilotando motocicleta e jogando futebol com os amigos, situação que causa revolta e indignação ao sitiante e sua família.

A propriedade de seu Benedito avaliada em 730 mil, e todo seu gado, teve que ser penhorado e está sendo leiloada judicialmente devido a ele não possuir condições de pagar a indenização.

 

 

Processo: 0000944-16.2014.8.22.0004