Jaru: Homem não aceita que foi vítima do golpe do anuncio clonado e tenta carregar veículo na marra em um guincho

Publicada em


Imagem Ilustrativa

O famoso golpe do anuncio clonado da venda de veículo, fez uma nova vítima e gerou uma enorme confusão esta semana. O fato ocorreu na última terça-feira (21), no setor 07 em Jaru, tendo como vítima um morador da cidade de Machadinho do Oeste que veio até este município, comprar um veículo Toyota Corolla ano 2005, o qual ele teria visto o anuncio em uma página de facebook, ao valor de R$ 12 mil reais.

 

Ao entrar em contato com o vendedor/estelionatário que clonou o verdadeiro anuncio do Corolla e anunciou pela metade do preço, a vítima passou a ser manipulada pelo golpista que concomitantemente também manipulou o verdadeiro vendedor.

 

Seguindo os mesmo ‘modus operandis,’ já conhecidos no golpe, o estelionatário por telefone manipula o comprador e o vendedor, orientando o comprador a ver o carro e não falar em valor com a pessoa que irá mostrar o veículo, e esta pessoa que mostrou o veículo que é o verdadeiro proprietário, também é orientada a não falar em valor com quem irá ver o veículo.

Para ocorrer este cenário, o estelionatário fala para as vítimas versões diferentes: para o vendedor que irá enviar uma pessoa a qual ele deve e comprará o carro para pagar uma dívida, e para comprador que o carro está com um amigo, que é para ele só ver o veículo e não tratar de negócio.

 

O estelionatário falou para o verdadeiro vendedor que pagaria o valor pedido de R$ 22 mil no Corolla, mas repesaria a pessoa, a qual foi ver o veículo a quem ele “deve”, pelo preço R$ 30 mil.

 

Com estes argumentos, ambos os envolvidos no golpe, vendedor e comprador, não discutiram valores, sendo apenas fechado o negócio com o golpista, que levou do interessado no veículo, o valor de R$ 5.200,00, o restante seria pago depois, porém no instante que o negociante tentou levar o veículo, ficou sabendo que o valor depositado não havia sido feito na conta do verdadeiro proprietário, que consequentemente não deixou ser feita a retirada do mesmo.

Com isso a vítima que havia se deslocado de Machadinho, não aceitou que havia caído em um golpe e ordenou que o guincho carregasse o Corolla, mas seu dono não autorizou, gerando uma grande confusão que só acabou com a chegada da Policia Militar.

A vítima registrou uma ocorrência de estelionato junto a Unisp, pois alega que o proprietário do Corolla tem participação no golpe.