Jaru: Convênio entre ACIJ e MP prevê a abertura de vagas para mulheres em situação de risco social

Jaru: Convênio entre ACIJ e MP prevê a abertura de vagas para mulheres em situação de risco social

Atendendo o pedido do Conselho Municipal da Mulher e da Comissão da Mulher Advogada da Ordem dos Advogados, a Associação Comercial e Industrial de Jaru – ACIJ e o Ministério Público da comarca firmaram um convênio que tem como objetivo mobilizar a classe empresarial para recepcionar em seu quadro de funcionários mulheres em condição vulnerável, que sofrem de violência doméstica e que não possuem meios para garantir o próprio sustento ou da família.

“A ação é um apelo social para que as empresas possam disponibilizar vagas e contratar essas mulheres, que muitas vezes suportam a violência por dependência econômica do seu agressor”, destacou o presidente da ACIJ, Ednilso Oliveira.

As empresas interessadas poderão procurar o Ministério Público para firmar o convênio, ou, se preferir, podem procurar a ACIJ para informar o interesse em participar do projeto.

“A ACIJ compreende o anseio dessas mulheres e procura colaborar para que todas as que necessitarem, possam encontrar ajuda, seja por uma vaga de emprego, ou, pelo incentivo ao empreendedorismo individual, proporcionando a devida capacitação”, concluiu Ednilso.

Comentários