Jaru: Agressor de Ana Cristina se apresenta a polícia e diz não se lembrar de ter tentado contra vida de sua companheira

Jaru: Agressor de Ana Cristina se apresenta a polícia e diz não se lembrar de ter tentado contra vida de sua companheira

Alegando problemas psicológicos Wallison Mota, acusado de esfaquear sua amasia no dia 24, se apresentou na delegacia de Jaru e após depor foi liberado.

Wallison Mota, vulgo “Tim” acompanhado de seu advogado se apresentou por volta do meio dia desta quinta feira (27), na Unisp em Jaru, e em depoimento ao delegado Dr. Ary Batista Batisti e a delegada da DEAM, Caritiana Cuellar, negou ter esfaqueado sua amasia Ana Cristina Leite de Araújo, disse que não se lembrava do ocorrido e ainda alegou ter problemas psicológicos.

Ana segue internada em estado grave no hospital João Paulo II em Porto Velho, e Tim foi liberado após a oitiva devido já ter se passado o período de flagrante de 48 horas e também porque o juiz devido a problemas familiares não compareceu ao fórum para expedir o mandado de prisão.

Comentários