‘Hulk’ brasileiro morre no dia do aniversário de 55 anos e fãs lamentam

Publicada em


O paulista Valdir Segato, conhecido como o “Hulk Brasileiro”, morreu em Ribeirão Preto no dia em que completou 55 anos. Ele era famoso nas redes sociais por exibir seus músculos dos braços.

A morte foi divulgada na última terça-feira (26) e conforme apuração do Uol, ocorreu no mesmo dia do aniversário do paulista. Apesar disso, a notícias só chegou à mídia neste sábado (30).

De acordo com amigos, Valdir passou mal em casa e chegou a ser socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Ele foi encaminhado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu. A causa da morte não foi revelada.

Em suas redes sociais, Segato chegou a publicar que seu aniversário estava chegando. “Mais um ano de vida”, escreveu em uma das postagens. Com quase três mil fãs no Instagram, ele recebeu inúmeras mensagens de pessoas que lamentaram a sua morte.

Valdir ficou mundialmente conhecido em 2016 quando foi entrevistado pelo jornal britânico Daily Mail. Na ocasião, ele foi chamado de “Hulk Brasileiro” e confessou que aplicava Synthol, um óleo mineral, para ficar com os braços maiores. “Eles me chamam de Hulk, Schwarzenegger e He-Man o tempo todo. Eu dobrei o tamanho do meu bíceps, mas quero que ele cresça ainda mais”, declarou.

O objetivo de Valdir era chegar aos 68 centímetros de diâmetro nos bíceps. Ele também disse ao tabloide que tinha sido alertado por médicos sobre os riscos de amputação e até mesmo AVC. Até o momento não foi divulgado qual o motivo que causou a morte.

O corpo de Valdir foi enterrado no Cemitério Bom Pastor, em Ribeirão Preto, na quarta-feira (27).