Ex-morador de Theobroma mata sargento da PM no Mato Grosso e alega legitima defesa

Ex-morador de Theobroma mata sargento da PM no Mato Grosso e alega legitima defesa

O soldado B. Filho, que matou o sargento José Carlos com quatro tiros na noite de quarta-feira (21) no bairro Jardim Marajoara, em Várzea Grande, deve se apresentar a Polícia Civil no prazo de 48 horas. A confirmação foi feita pelo seu advogado, que já teria entrado em contato com a Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP).

O crime ocorreu na residência da namorada do soldado, que é ex-mulher do sargento morto. Segundo as informações, o sargento invadiu a casa na tentativa de reconciliar com a ex, mas acabou encontrado o atual companheiro dela.

Houve uma ríspida discussão, que culminou com o soldado efetuando 4 disparos de arma de fogo contra o “rival”. Em seguida, B. Filho deixou a casa tomando rumo ignorado.

Ainda na madrugada de ontem, seu advogado entrou em contato com as autoridades falando da intenção do soldado em se entregar. Ele vai esperar passar o período do flagrante, pois pode acabar respondendo pelo crime em liberdade.

Fonte: Folhamax

Comentários