Acusado de dar 15 facadas em jovem enquanto dormia é condenado a 7 anos de prisão

Publicada em


Foi levado a júri popular nesta sexta-feira, 08, Welton Ferreira de Araújo, de 27 anos, acusado de desferir 15 facadas contra G. C. V. F., de 25 anos, na madrugada de 16 de setembro de 2019, em uma casa localizada na Rua 2204, no setor 22, em Vilhena.

Segundo os autos do processo, G. dormia quando Welton chegou ao local acompanhando Lucas Alves Rodrigues, com quem a vítima possuía uma dívida de R$ 60 e de pronto já o esfaqueou por diversas vezes juntamente com o comparsa.

Após conseguir se desvencilhar dos agressores, G. correu para pedir ajuda a vizinhos e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, sobrevivendo aos ferimentos.

Ainda no hospital, a vítima fez o reconhecimento dos autores da tentativa de homicídio que sofreu e a Polícia Militar saiu no encalço de ambos, localizando Welton pilotando uma motocicleta com as mesmas características descritas por testemunhas, como sendo a usada pelos criminosos.

O suspeito chegou a negar os fatos resistindo à prisão, mas foi reconhecido pela vítima e preso. Já Lucas, mais conhecido como “Lebrão”, continua foragido.

Julgado pelo crime de tentativa de homicídio qualificado, por surpreender a vítima enquanto ela dormia, Welton foi condenado a 7 anos de prisão em regime inicial fechado.