Solteira, Maytê Piragibe diz: ‘Falta homem com H maiúsculo no mercado’

Solteira, Maytê Piragibe diz: ‘Falta homem com H maiúsculo no mercado’

Aos 32 anos, Maytê Piragibe se sente mais sexy do que quando tinha 20 e poucos. E, segundo ela, o motivo para isso é simples. “Atualmente me sinto mais segura, me conheço melhor. Isso torna qualquer mulher mais sensual, é algo natural”

Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)Foi nesse clima que a atriz posou para as lentes do fotógrafo André Nicolau em uma das suítes do tradicional hotel Copacabana Palace, no Rio. Nas fotos, ela interpreta uma mulher à espera de um encontro. O ensaio vai estar em seu site pessoal, que será relançado em breve no formato de revista on-line.

“A maturidade traz segurança. Você passa a lidar com a vida de forma mais calma e serena. Se descobrir mulher é um processo de autoconhecimento e, aos 30, isso fica mais leve, despretensioso e, portanto, mais bonito”.

Seguindo essa sensualidade natural, Maytê é do tipo que não possui arma de sedução. “Isso é uma cilada”, frisa, rindo. “Geralmente dá errado quando tentamos marcar ou simular algo para conquistar”, completa ela, que mantém a boa forma com dieta regrada e equilibrada.

‘Deixo nas mãos de Deus’
Solteira desde agosto de 2013, quando chegou ao fim seu casamento com o ator Marlos Cruz, com quem teve Violeta, de 5 anos, a atriz diz estar tranquila. “Está faltando homem no mercado! Homem com                           Maytê Piragibe                                                    H maiúsculo”, dispara.

“Tenho vontade de reconstruir família, não desisti do projeto casamento, mas o homem tem que estar ao meu lado, me acompanhar. Hoje é mais difícil me aventurar. Por isso não estou à procurar, deixo fluir. Tem coisas que não podemos controlar, como o amor. Deixo nas mãos de Deus, só peço para não me colocar em furada”, brinca.

Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)

Tragédia Rodriguiana
Enquanto isso, Maytê vem focando na carreira. Em fevereiro, ela estreia a peça “A Serpente”, de Nelson Rodrigues, no Teatro Nathalia Timberg, no Rio. O espetáculo marca a volta da artista aos palcos após 11 anos.

Na montagem, duas irmãs e seus respectivos maridos dividem o mesmo apartamento. Após um ano casada e ainda virgem, Lígia (Laís Pinho) desfaz a união e pensa em se matar. Para ajudá-la, Guida (Maytê Piragibe) oferece o próprio marido por uma noite e, a partir daí, a relação das duas desmorona.

“Senti que esse era o momento certo de voltar ao teatro, com mais coragem. É uma tragédia visceral, estou me reiventando e eu mesma estou me surpreendendo. Vou sair outra atriz”, avalia.

Serviço:
A Serpente
De 12 de fevereiro a 03 de abril
Teatro Nathalia Timberg – Avenida das Américas, 2000 – Freeway – Barra da Tijuca
Classificação: 16 anos

Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)

Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)
Maytê Piragibe (Foto: André Nicolau / Divulgação)