Servidores da Caerd suspendem greve após proposta do TRT-RO

Servidores da Caerd suspendem greve após proposta do TRT-RO

Após a realização das assembleias em todo o estado de Rondônia, os funcionários da Companhia de Água e Esgoto de Rondônia (Caerd) aceitaram a proposta do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de 7% de aumento salarial, e suspenderam a greve na tarde desta segunda-feira (15). De acordo com o presidente do Sindicato dos Urbanitários (Sindur), Nailor Gato, os servidores votaram na assembleia pela suspensão da paralisação até a negociação com a Caerd. O atendimento ao público voltará já na terça-feira (16).

Conforme o sindicato, cerca de 80% dos servidores ficaram paralisados por sete dias em todo o estado. O Sindur pedia melhoria na condição de trabalho, fim do assédio moral, não privatização da Caerd e reajuste de 9,83%, porém, como as partes não estravam em acordo, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) apresentou uma proposta de 7%, que foi aceita.

“A suspensão da greveserá até o julgamento da ação, daqui a 25 dias, quando vamos ver se a Caerd vai concordar ou não com a proposta feita pelo presidente do TRT, do reajuste de 7%. A empresa ficou de dar a resposta em 15 dias. Enquanto isso, vamos cumprir o acordo com o TRT e aguardar com a paralisação suspensa”, disse Nailor.

Comentários