Polícia apreende portas ‘recheadas’ com pasta base de cocaína, em RO

Polícia apreende portas ‘recheadas’ com pasta base de cocaína, em RO

A Polícia Civil de Ariquemes (RO) apreendeu nesta terça-feira (26) cinco portas e três janelas de madeira recheadas com 62 tabletes de pasta base de cocaína, que juntos somam mais de 60 quilos. A carga seria levada para Minas Gerais (MG). Duas pessoas foram presas por tráfico.

De acordo com o delegado regional, Thiago Flores, que comandou a operação, a polícia recebeu a informação sobre uma marcenaria da cidade que mandava mercadorias para Governador Valadares (MG) a cada dois meses. “Esse fato chamou nossa atenção. A regularidade de envio de pequenas cargas também levantou suspeita. A partir daí, há 15 dias iniciamos as investigações”, explicou o delegado, que informou ainda que a ação criminosa acontecia há pelos menos um ano.

Flores ressalta ainda que, durante a investigação, a polícia conseguiu o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), mas não encontrou a marcenaria que emitiu a nota. Segundo o delegado, a dificuldade de encontrar a empresa que emitiu a nota aconteceu porque a marcenaria que enviava as mercadorias não tem CNPJ e usava o cadastro de outra empresa para enviar os produtos. A empresa que cedia o CNPJ será investigada.

Apreensão
Na manhã de segunda-feira (25), a polícia tinha a informação que havia portas e janelas para serem transportadas para Minas Gerais. Os produtos estavam em um centro de coleta, onde as transportadoras vão para carregar as cargas.

Os policiais foram impedidos pelos funcionários de violar as cargas. Na ocasião, eles alegaram que os policiais precisavam de um mandado judicial para fazer o trabalho. O delegado conta que solicitou na Justiça o mandado de busca, mas o documento só foi expedido no fim da tarde, horário em que a polícia não pode cumprir mandado.

“Os responsáveis pela droga já sabiam que a polícia tinha ido, então montamos campana no local, porque teria a possibilidade de tentarem tirar as mercadorias. Eles foram até o local para retirar as janelas e porta, mas, fugiram do local ao verem o carro da polícia”, disse.

Com o mandado judicial em mãos, na manhã desta terça-feira os policiais começaram a quebrar as portas e janelas de madeira com a ajuda de um marceneiro. Dentro das portas e janelas eles encontraram vários tabletes de pasta base de cocaína.

Presos
O dono da marcenaria de onde as portas saíram para serem transportadas foi preso em flagrante. Ele confirmou à polícia que sabia que as portas e janelas estavam com drogas e tudo era feito com consentimento dele. A polícia não informou a quantidade de dinheiro que ele recebia por cada serviço.

Outro homem que teria mediado o transporte da droga com dono da marcenaria também foi preso. “A investigação está no início e ainda tem muitas dúvidas a serem sanadas, mas temos a certeza que com essa apreensão, foi dado um grande golpe nos responsáveis pela droga”, concluiu.