JARU: Caminhoneiro morre após ser atingido com pedrada na cabeça em Vilhena – atualizada

JARU: Caminhoneiro morre após ser atingido com pedrada na cabeça em Vilhena – atualizada

Um caminhoneiro foi morto na tarde desta quarta feira(30), ao ser atingido com uma pedrada na cabeça perto de um ponto de manifestação dos caminhoneiros grevistas na BR-364, em Vilhena.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

O condutor foi identificado como sendo José Batistella, 70 anos, residente do St-06 no Município de Jaru.

De acordo com informações a rodovia federal está sem bloqueios, porém a população de Vilhena estaria sendo convocada para protestar e os caminhoneiros que passam dirigindo pelo local estão sendo atacados a pedradas.

Uma dessas pedras atingiu o caminhão do condutor, atravessou o para-brisa e atingiu a cabeça do caminhoneiro. .

O Corpo de Bombeiros chegou a ir no local, mas a vítima não resistiu aos ferimentos.

A família de Batistella informa que seu corpo chegará em Jaru por volta das 06:00h desta quinta feira (31), e será velado na Igreja Metodista na Avenida Brasil. O Horário do enterro ainda será confirmado.

PRF está no local acompanhando o caso (Foto: Renato Barros/Rede Amazônica)

 

Comentários