“Ficou olhando se debater e foi dormir”, diz delegada sobre mãe que jogou filho em tanque

“Ficou olhando se debater e foi dormir”, diz delegada sobre mãe que jogou filho em tanque

A adolescente suspeita de ter jogado o filho de quatro meses dentro de um tanque de água no bairro de Cosme de Farias, em Salvador, assistiu a morte da criança. Segundo a delegada Ana Virgílio, titular da Delegacia para o Adolescente Infrator, em entrevista ao Varela Notícias, na tarde desta segunda-feira (04), a jovem cometeu o crime após discutir com o companheiro.

“De noite eu estava assistindo filme e ouvindo musica no computador e o companheiro [que não é o pai da criança] chamou a atenção dela, porque viu que ela estava no computador 1h da manhã, pedindo que ela fosse dormir, porque no dia seguinte tinha que levar o filho para o pediatra. Ela desligou o computador contrariada e foi dormir. Mas disse [em depoimento] que estava ‘de boa’”, diz a delegada.

Ainda segundo Ana Virgílio, após a discussão, ela acatou o pedido do companheiro, mas enquanto ele dormia, a suspeita levantou e jogou a criança no tanque. “Ela jogou o bebê dentro [da caixa de água], ficou olhando se debater, depois cobre e vai dormir”, conta.

A delegada ainda informou que um dia antes da morte da criança a jovem contou que discutiu com o pai do bebê, após ele se recusar a pagar a pensão. Contudo, a adolescente não apresentou nenhuma motivação concreta para o crime. “Ela chora, diz que está arrependida, mas eu não percebo no discurso dela algo que nos leve a crer em um arrependimento”, afirma.

Entenda o caso:

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida suspeita de matar o filho de quatro meses, na manhã desta segunda-feira (4), na Rua Baixa do Silva, em Cosme de Farias, Salvador. De acordo Polícia Militar, a suspeita jogou o bebê dentro de um tanque de água.

A suspeita já tinha passagens pela polícia por tentativa de homicídio. Há dois anos, quando tinha 14, ela foi apreendida após ter dado uma pedrada na cabeça da irmã, que na época tinha dois anos.

 

Fonte original: varelanoticias.com.br

Comentários