‘Êta Mundo Bom’: ‘Para mãe, filho e avó assistirem juntos’, diz autor

‘Êta Mundo Bom’: ‘Para mãe, filho e avó assistirem juntos’, diz autor
Sérgio Guizé como Candinho, o protagonista da novela Êta Mundo Bom (Foto: Globo / João Cotta)Sérgio Guizé como Candinho, o protagonista da novela ‘Êta Mundo Bom’ (Foto: Globo / João Cotta)

Uma novela para assistir em família. Assim Walcyr Carrasco descreve “Êta Mundo Bom”, seu novo folhetim, que estreou nesta segunda-feira, 18, na Globo. A novela marca o retorno do autor ao horário das seis, para o qual já escreveu grandes sucessos, como “O Cravo e a Rosa”, “Chocolate com Pimenta” e “Alma Gêmea”.

Leia também: Walcyr Carrasco sobre escalação de Priscila Fantin: ‘Não ficou mágoa’

“Gosto muito desse horário porque me permite exercitar um humor ingênuo, escrever uma novela para mãe, filho e avó assistirem juntos, com felicidade”, conta o dramaturgo, cujo último trabalho, “Verdades Secretas”, foi exibido às onze da noite. “Gosto de buscar sempre novos estímulos. Escrever agora para as seis é uma reinvenção como escritor”, diz.

Sérgio Guizé e Débora Nascimento: o casal protagonista da novela Êta Mundo Bom (Foto: Globo / João Cotta)Sérgio Guizé e Débora Nascimento: o casal
protagonista da novela ‘Êta Mundo Bom’
(Foto: Globo / João Cotta)

“Êta Mundo Bom” é inspirado em “Candinho”, filme de 1954 estrelado por Mazzaroppi que teve o roteiro baseado no romance “Cândido”, do filósofo francês Voltaire. A novela, que se passa nos anos 40, tem uma radionovela como pano de fundo e a escolha por isso não foi à toa.

“Quando eu era criança, acordava cedo e, antes de ir para a escola, enquanto tomava o café, minha mãe ouvia novelas de rádio. Por causa dessas lembranças, que me são tão marcantes, quis reviver esse universo”, explica Carrasco.

Trama familiar

O novo folhetim das seis mostra a vida de Candinho (Sérgio Guizé), jovem conhecido por driblar as dificuldades da vida sempre com bom humor e otimismo. Seu lema de vida é: “Tudo o que acontece de ruim na vida da gente é pra meiorá”.

Ele foi separado da mãe logo após seu nascimento e acolhido pelo casal Cunegundes (Elizabeth Savalla) e Quinzinho (Ary Fontoura), donos de uma fazenda localizada no interior de São Paulo. Já adulto, vivendo como empregado na casa, ele foi expulso ao se apaixonar pela filha mais velha dos patrões, Filó (Débora Nascimento).

Orientado por Pancrácio (Marco Nanini), amigo da família que o criou e seu grande mentor e protetor, ele seguirá para a capital em busca da mãe biológica, Anastácia (Eliane Giardini), que nunca conheceu. Ela, a essa altura uma viúva milionária, também está à procura do filho, mas a sobrinha Sandra (Flávia Alessandra) fará de tudo para atrapalhar esse encontro, pois teme perder a posição de herdeira.

Marco Nanini como Pancrácio na novela Êta Mundo Bom (Foto: Globo / João Cotta)Marco Nanini como Pancrácio na novela ‘Êta
Mundo Bom’ (Foto: Globo / João Cotta)

Elenco de peso

Essa é a primeira vez que Walcyr Carrasco trabalha com Sérgio Guizé e Débora Nascimento, que atuaram juntos em “Alto Astral”. “Tinha muita vontade de trabalhar com os dois. Admiro o talento deles e possuem o tipo físico, a personalidade e a qualidade de interpretação ideais para os papéis”, elogia o autor.

“Êta Mundo Bom” também marca o retorno de Marco Nanini às novelas após 13 anosinterpretando Lineu no seriado “A Grande Família”. Ele dá vida ao personagem Pancrácio, mentor e protetor do protagonista Candinho. “O público certamente ficará surpreso com a sua virada”, aposta Carrasco.

Quem ainda promete surpreender é Camila Queiroz. Após o grande sucesso em “Verdades Secretas” como a protagonistas Angel, ela volta à TV na pele da caipira Mafalda, irmã de Filó. “Ela fez um teste e mostrou que faria o papel maravilhosamente bem. Ele tem humor e ingenuidade, está à altura de fazer todo tipo de personagem”, elogia o dramaturgo.

Elizabeth Savalla e Ary Fontoura em cena da novela Êta Mundo Bom (Foto: Globo/João Cotta)Elizabeth Savalla e Ary Fontoura em cena da novela ‘Êta Mundo Bom’ (Foto: Globo/João Cotta)
Ernesto (Eriberto Leão) e Sandra (Flavia Alessandra): os vilões de Êta Mundo Bom (Foto: Globo/Sergio Zalis)Ernesto (Eriberto Leão) e Sandra (Flavia Alessandra): os vilões de ‘Êta Mundo Bom’ (Foto: Globo/Sergio Zalis)
Débora Nascimento como Filó na novela Êta Mundo Bom (Foto: Globo / João Cotta)Débora Nascimento como Filó na novela ‘Êta Mundo Bom’ (Foto: Globo / João Cotta)
Walcyr Carrasco e Jorge Fernando  (Foto: Isac Luz / EGO)Jorge Fernando e Walcyr Carrasco: diretor e autor da novela ‘Êta Mundo Bom’ (Foto: Isac Luz / EGO)
Débora Nascimento, Walcyr Carrasco e Camila Queiroz posam juntos (Foto: Reprodução/Instagram)Débora Nascimento, Walcyr Carrasco e Camila Queiroz posam juntos (Foto: Reprodução/Instagram)