Contra dengue e outras doenças: Força tarefa vai vistoriar 100% das casas em Jaru

Contra dengue e outras doenças: Força tarefa vai vistoriar 100% das casas em Jaru

Mais de 60 agentes comunitários de saúde e de combate a endemias começarão ainda nessa semana, uma força tarefa contra o mosquito aedes aegypti , transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

De acordo com o gerente da epidemiologia, Aldenir Cosmo, 100% das residências de Jaru serão vistoriadas. O município conta com 17.860 residências. “Os agentes passarão uma vez em janeiro, outra em fevereiro e uma terceira vez em março e Abril. Também serão vistoriadas as casas dos distritos de Tarilândia, Bom Jesus e Santa Cruz”, declarou.

Nesta terça-feira (12), os agentes comunitários de saúde receberam capacitação sobre o controle da doença, manejo e outras ações necessárias para a força tarefa. O treinamento aconteceu no auditório da Associação Comercial e Industrial de Jaru (ACIJ).

O Coordenador da Vigilância Epidemiológica de Jaru, José Magno Borges Rodrigues, explicou que todos os dados da residência serão passados diariamente para a AGEVIVA. Além das orientações aos moradores e o acompanhamento de gestantes, por conta do zika vírus. “ Também serão notificadas as casas fechadas e os terrenos baldios”, comentou.

O prefeito de Jaru, Inaldo Pedro Alves, ressaltou a importância dessas ações de prevenção ao mosquito. “Estamos todos juntos nessa corrente. São várias parcerias, inclusive já colocamos um micro-ônibus a disposição dos agentes”, ressaltou.

Essa ação terá o apoio das secretarias de saúde, meio ambiente e de obras.

“Peço a toda população que colaborem com a equipe de agentes e abram seus portões para a vistoria. Para vencermos essa luta, precisamos de todos”, sintetizou o prefeito Inaldo.

O secretário municipal de saúde, Fabiano Medeiros, frisou que essa é uma ação responsável. “ Esse assunto nos preocupa muito, por isso, temos que trabalhar com força total para acabar com qualquer possibilidade da proliferação desse mosquito”, reiterou.

Nesse ano já foram registrados três casos suspeitos de dengue. Em 2015, 38 casos foram confirmados em Jaru. No município, não tem nenhum caso de febre chikungunya e nem zika vírus.

1 DSC_1150 DSC_1157 DSC_1173 IMG_2870 IMG_2871

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura de Jaru