Cantora Conchita Wurst, a ‘mulher barbada’, revela que tem HIV

Cantora Conchita Wurst, a ‘mulher barbada’, revela que tem HIV

A cantora Conchita Wurst revelou neste domingo que é seropositiva. Ela decidiu admitir o diagnóstico porque um ex-namorado ameaçou ir a público. Usando o Instagram, Conchita Wurst, que ganhou o Eurovision em 2014 e ficou conhecida como ‘mulher barbada’ disse que não “não dará a ninguém o direito de ameaçá-la’.

“Eu sou HIV positivo há muitos anos. isso é irrelevante para o público, mas um ex-namorado está ameaçando ir a público com essa informação privada, e eu não vou dar a ninguém o direito de me ameaçar ou afetar minha vida”, escreveu Conchita num trecho.

Ela também disse que as taxas do vírus estão abaixo do limite de detecção, o que significa que ela não pode transmitir o vírus. “Até agora, eu não queria ir a público com esta informação por uma série de razões, apenas duas das quais eu vou mencionar: em primeiro lugar a minha família, que sabe tudo e tem me apoiado desde o primeiro dia. (…) Da mesma forma, meus amigos estão cientes disso há algum tempo e estão lidando com isso com imparcialidade, que eu desejaria a todos os envolvidos”, escreveu.

Comentários