Acidente bizarro deixa mergulhador com a aparência de ter engolido balões

Acidente bizarro deixa mergulhador com a aparência de ter engolido balões

O mergulhador peruano Alejandro Ramos Martínez, que coleta frutos do mar em Pisco, está sofrendo de uma bizarra anormalidade: seu corpo inflou, e agora ele parece um aglomerado de balõezinhos humanos! Isso aconteceu há 4 anos, quando Martínez emergiu muito rápido do mar.

Por esse motivo, a descompressão é importantíssima, mas não foi o que fez o peruano: Martínez subiu 30 metros de uma só vez e acabou passando por um acidente que poderia ter sido fatal. Em vez disso, o nitrogênio formou bolhas enormes que se acumularam em músculos e tecidos!

Bolhas fizeram corpo de Martínez ficar inflado

  

Em casos mais leves, a falta de descompressão pode causar apenas fadiga e dores nas articulações, mas nos mais graves pode até matar. A situação enfrentada por Martínez é considerada única pela medicina, sendo de difícil resolução – mas, felizmente, não impossível.

Como as bolhas de ar estão ligadas a vários músculos e tecidos, uma cirurgia não pode retirá-las de maneira mais rápida – nem comecem com piadinhas de espetar o cara com uma agulha, porque o problema é sério, hein? A solução encontrada até o momento foi administrar oxigênio em câmaras pressurizadas na esperança de que o nitrogênio acabe se comprimindo e se diluindo naturalmente, porém são necessárias ao menos mais 100 sessões para o corpo de Martínez voltar ao normal – até agora, as bolhas já diminuíram 30%!

Além da aparência incomum, o acidente resulta em dores lancinantes, que só são suportadas à base de analgésicos. A deformidade ainda afetou o quadril, que precisará de uma prótese quando o problema for superado. O mergulhador também passou a sofrer de hipertensão e sonha com a vida de antes.

Mergulhador tenta voltar ao normal em câmaras de pressurização

Comentários